segunda-feira, 13 de março de 2017

VICE PREFEITO DE JATAÚBA-PE JACKSON BURACO (PSB) JUNTO COM VEREADORES PARTICIPAM DA INAUGURAÇÃO DAS ÁGUAS DO RIO SÃO FRANCISCO NA CIDADE DE MONTEIRO-PB
O Vice-prefeito de Jataúba no agreste pernambucano, Jackson Buraco (PSB), participou na última sexta-feira (10) da solenidade que marcou a chegada das águas do Rio São Francisco à Paraíba, através do Eixo Leste do Projeto de Integração do São Francisco, maior obra de infraestrutura hídrica do país. 
As águas do Velho Chico percorrem 217 quilômetros do Eixo Leste, atravessando cinco municípios pernambucanos, para chegar às casas dos moradores de Monteiro, cidade paraibana que é a primeira a receber as águas, onde o evento contou com a presença do presidente da Republicar Michel Temer (PMDB). 

O vice-prefeito esteve acompanhado pelos vereadores Antônio de Bilosa (PMDB), Zito Lopes (PSDB) e José Nilton Nunes ''Veinho'', e comitiva.
 
O Vice-Prefeito Buraco falou que junto com seu líder o prefeito Antônio de Roque (PMDB), não mediram esforço para que essas metas das transposição de água seja lá de onde vim, que sua terra Jataúba também seja contemplada para que o povo jataubense saia dessa escassez de água que passa a muito tempo.
 A chegada da água do Velho Chico vai modificar o perfil do Semiárido nordestino, trazendo a possibilidade de desenvolvimento econômico para a área. “ Foi muita emoção estar aqui na cidade de Monteiro presenciando a chegada das águas à Paraíba e a realização de um grande sonho de todo povo Nordestino''.
  
As águas do Rio São Francisco visam, prioritariamente, atender à demanda de abastecimento humano e suprir a necessidade de água para animais. O Projeto de Integração do São Francisco também é considerado um meio de promoção do desenvolvimento regional dos estados beneficiados.
Após atender a prioridade de abastecimento, o projeto possibilitará o crescimento econômico, por meio do aproveitamento dos reservatórios locais. Com a chegada do reforço hídrico do São Francisco, a água local pode ser aproveitada para gerar renda e desenvolvimento socioeconômico das famílias nordestinas.


Ruy Siqueira/Portal do Agreste



Nenhum comentário:

Postar um comentário