quinta-feira, 17 de agosto de 2017

MINISTRO MOREIRA FRANCO DEPÕE COMO TESTEMUNHA DO EX-DEPUTADO EDUARDO CUNHA
O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Moreira Franco, iniciou na tarde desta quarta-feira, 16, um depoimento por Skype na Justiça Federal de Brasília. Moreira é ouvido como testemunha do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em uma ação penal da Operação Sépsis, durante a qual foi preso Lúcio Funaro, apontado como operador de Cunha.

A operação, deflagrada em julho de 2016 pela Polícia Federal, foi baseada nas delações de Nelson Melo, executivo da Hypermarcas, e de Fábio Cleto, ex-vice-presidente de Fundos e Loterias da Caixa.

 Cunha, Funaro e Cleto são acusados de atuar, juntamente com outros políticos, na liberação de recursos milionários do FGTS para grandes empreendimentos de empresas. O Sépsis é referência a uma doença sistêmica e grave. Moreira tentou, por meio de seus advogados, prestar o depoimento por escrito, mas não obteve a dispensa da Justiça.


Diário do Poder


Nenhum comentário:

Postar um comentário