sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Em Jataúba, reunião da câmara termina em pancadaria Vereador e Família agridem covardemente  radialista

Na noite desta quinta-feira 14 foi realizada mais uma reunião ordinária na câmara de vereadores da cidade de Jataúba, em noite cercada de expectativas em torno da indicação por parte da bancada de oposição de um nome para compor a CPI que está pra ser instalada pela casa o que se viu foi muita confusão e a sessão foi encerrada antes do previsto por conta do comportamento de algumas pessoas que estavam na plateia.
A sessão foi marcada pela ausência do vereador Jackson Bruno (PSB), com relação à indicação do nome para compor a comissão os oposicionistas falaram que só o farão na próxima reunião, pois, estão aguardando orientações jurídicas e deixaram bem claro que não aceitarão de forma alguma a participação do vereador Galego na mesma.

Confira o resumo:

Firoca (PTB) – O vereador deixou votos de pesar para a família de Dona Irene de Silvério pelo falecimento de Verano, ele falou sobre uma carta que recebeu de um deputado do Estado de São Paulo onde o mesmo pede apoios contra uma medida que visa à regulamentação das drogas o que considerou um absurdo. 


Falando sobre a CPI o vereador disse que não aceitou fazer parte da comissão por se tratar de algo muito sério e que o mesmo não teria tempo para acompanhar todos os trabalhos já que tem muitas ocupações e disse que quem tem que participar é o vereador Maviael que tem mais tempo e está por dentro de todo o assunto.
Maviael (PSD) – Disse que ouve falar muito que os vereadores de oposição só sabem criticar e disse que após algumas cobranças para que fosse instalado um ar condicionado na pediatria do hospital o mesmo foi atendido, sobre a reforma do hospital ele disse que o que houve foi apenas uma pintura e a mudança da recepção de um lado para outro e disse que isso não pode ser classificado como uma reforma.

Maviael disse que a sua atuação na câmara tem incomodado muito, principalmente alguns blogueiros e disse que falaram que por causa dele os carros pipas tinham parado de abastecer o município e disse não ter nada a ver com isso. 

O vereador criticou o presidente da casa por manter o nome do vereador Jackson na CPI e disse que o juramento que foi feito na diplomação dos mesmos está sendo manchado, pois, o regimento da câmara não pode sobrepor a constituição, ainda segundo o vereador o presidente tem que conduzir os trabalhos sem partidarismo coisa que pra ele não está acontecendo, e disse que o presidente da casa pode ser punido pela sua conduta, Maviael disse que tem certeza que o vereador Jackson será impedido pela justiça de participar da comissão por ser filho do prefeito.
Zuza (PTB) – Disse ter acompanhado no site do TCE-PE a recomendação para que o prefeito de Catende afaste dos cargos todos os seus parentes, bem como do vice-prefeito e vereadores e disse que a lei também precisa ser aplicada em Jataúba, segundo o vereador, familiares do prefeito e de vereadores estão desempenhando funções na prefeitura o que considerou como nepotismo, Zuza disse que ficou triste por ter escutado de vários radialistas no Programa Debate Livre que o vereador Jackson poderia fazer parte da CPI pelo fato do mesmo votar nas contas do pai e disse que são situações completamente diferentes.

Zuza criticou a atuação do jurídico da casa, ele disse o departamento ganha muito dinheiro e só serve a bancada de situação e disse que o mesmo se dá com os veículos da câmara que só serve pra um lado, questionado pelo presidente se o mesmo já teria solicitado o veículo alguma vez ou jurídico ele respondeu que não.

O vereador ainda expôs dados referentes a gastos com combustíveis pelos veículos da câmara, segundo ele no biênio de 2013/2014 na gestão do vereador Zito Lopes os gastos foram equivalentes no valor de R$20.253,95 em cada ano. Na gestão do vereador Antônio Biloza segundo ele os gastos foram de R$24.556,38 em 2015 e R$30.334,69 em 2016 ano de eleição, já na gestão do vereador Paulo Floriano nesse poucos mais de oito meses foram gastos segundo o vereador R$17.082,99 e cobrou explicações sobre gastos de combustível para um veículo que está quebrado.

Veinho (PMDB) – O vereador parabenizou o prefeito do município pela organização e realização da festa do bode, também parabenizou o trabalho da PM e da Guarda Comunitária no evento, em tom de ironia Veinho parabenizou o vereador Maviael por fazer parte da oposição e ter ido para a situação na época que sua esposa era vereadora e segundo ele articulado para que ela aprovasse as contas que tinham recomendação de rejeição pelo TCE o que segundo ele deu ao prefeito a condição de está no seu quinto mandato.

Veinho perguntou que tipo de manobra foi essa, e disse que essa é uma pergunta do povo o porquê o vereador e sua esposa ficaram do lado do prefeito naquela ocasião. “O senhor não que ser tão certo explique para o povo, pois, essa é uma pergunta do povo que me pediu não minha”, disse Veinho. Ainda segundo o vereador a bancada de situação é muito boa e quem saiu de lá tem saudade e vontade de voltar.

A Confusão - Ao término do discurso do vereador Veinho houve uma grande manifestação da plateia com gritos e após algumas repreensões do presidente que não foi atendido à reunião foi encerrada e foi aí que se instalou a confusão, pois, o pai do vereador Maviael o ex-vereador Abílio ficou um pouco exaltado e passou a insultar algumas pessoas e bater com uma bengala sendo retirado da casa pelo próprio vereador e seu irmão, já na parte externa da câmara o tumulto continuou e o radialista e blogueiro Ruy Siqueira que estava cobrindo a sessão ao vivo pelo facebook, continuou filmando todo o bate-boca.
Nesse momento o vereador Mavieal veio em direção ao mesmo tentando tomar o celular e começou toda a pancadaria, segundo relatos e as próprias imagens, além do vereador um dos seus irmãos também se envolveu na briga e agrediu o radialista, logo após o fato houveram várias trocas de acusações e os ânimos se alteraram levando populares que estavam no entorno a se agredirem mutuamente. 
Confira nos últimos 3 minutos do vídeo abaixo toda confusão.


                
A próxima reunião está marcada para a próxima segunda-feira dia 18 de setembro ás 20 horas.

Jota Silva / Agreste No Ar

Nenhum comentário:

Postar um comentário