sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Trocas de farpas marcam mais uma reunião ordinária na câmara de vereadores de Jataúba-PE
Nesta quinta-feira 31 de agosto aconteceu na cidade de Jataúba mais uma reunião na Câmara de vereadores da cidade de Jataúba, cercada de expectativas por conta dos fatos ocorridos na última sessão o plenário recebeu um bom público que por alguns momentos foi repreendido pelo presidente da casa por causa dos gritos, onde o mesmo ameaçou em alguns momentos encerrar a sessão que mais uma vez foi marcada por trocas de farpas entre vereadores de situação e oposição.
Maviael (PSD) – O vereador apresentou um requerimento verbal solicitando a construção de alguns quebra-molas na via urbana da cidade no intuito de prevenir acidentes com pedestres, requerimento esse aprovado por unanimidade, Maviael também disse que foi muito feio o que aconteceu na reunião passada onde segundo ele o vereador Jackson teria falado ao ouvido do presidente da casa como teria que ser a formação da CPI e disse que isso tudo tá gravado em vídeo.

Ele falou que o regimento da casa não pode se sobrepor a Constituição Federal nem a Lei Orgânica do Município e citando inclusive o Art. 44 da mesma, e disse que o que houve foi uma manobra da situação para que o prefeito não seja investigado, segundo o vereador para o TCE, Jataúba é uma das cidades que tem mais desvios de dinheiro público, e defendeu a tese de que os partidos é que deveriam indicar os seus membros para fazer parte da comissão e não o presidente da casa.


Maviael disse que irá entrar com um mandado de segurança contra o presidente e que toda sujeira que tem debaixo do tapete será investigada e a população terá conhecimento. Em outro ponto do seu discurso Maviael disse que não gosta de ficar anunciando publicamente o que ele faz pelas pessoas e disse que na opinião dele o prefeito do município não competente, o vereador revelou ter um áudio do suplente de vereador Ramiro do Jundiá que foi candidato a vereador da chapa da situação, onde o mesmo diz que desde a eleição passada não presta nenhum serviço à prefeitura e segundo o vereador existem empenhos do mesmo na prefeitura referentes ao mês trazado.


Por fim o vereador teceu críticas ao blogueiro Jota Silva que segundo ele fica desabando e jogando carapuça contra os vereadores da bancada de oposição na Rádio Jataúba FM e disse que a pessoa tem que ter pulso firme e falar sério, e disse: “Talvez se eu disponibilizar um patrocínio pra o blog dele ele amenize contra agente, às vezes a pessoa tá atrás de um patrocínio como muitas opiniões foram contra o prefeito e logo acontece algo e a pessoa começa a amenizar”, disse o vereador.

Zuza (PTB) – Zuza disse que ouviu pelas esquinas, na rádio e nos blogs que os vereadores de oposição tinham fugido da reunião passada, e disse que ninguém fugiu apenas saíram por não concordar com a maneira com que o presidente da casa conduziu o processo, segundo Zuza o vereador Antônio Biloza não pode fazer parte da comissão, pois, como é que ele vai investigar coisas de uma região que ele mesmo representa, citando empenhos de pessoas do Sítio Sobrado, por exemplo.

 Ainda segundo o vereador apesar da manobra da bancada de situação o investigação irá acontecer e disse que vai ao Ministério Público e até o Fantástico, vai onde quer que seja, mas, o povo precisa saber das irregularidades que acontecem no município.

Zuza disse está investigando cerca de 50 empenhos de pessoas em várias regiões do município e disse ter pessoas ligadas aos vereadores Antônio Biloza e Zito Lopes, além do ex-vereador Didi do Riacho do Meio, ele ainda falou que até mesmo o carro do pai do ex-vereador Furibinha está agregado ao município e o mesmo disse que não faz trabalhos pra prefeitura, ele ainda citou uma senhora que segundo ele é gari no município e tem um carro agregado em seu nome.


 O vereador disse que tudo isso será colocado na CPI e que tem que saber quem é que recebe e não presta serviços ao município.
Jackson Galego (PSB) – O vereador falou queria que não fosse preciso a abertura de uma CPI, mas, já que abriu disse que todo o trâmite está sendo seguido conforme a lei e disse está pronto pra esclarecer tudo e mostrar a verdade a população, Galego disse que não tem nada que provar a vereador, mas, sim a população, ele disse que o vereador Maviael só sabe criticar e falar em CPI, e que quando Zuza fala a respeito dos carros agregados que se abra outra CPI pra investigar.

“Vamos passar o mandato todo vocês fazendo CPI e agente resolvendo os problemas da população”, falou Galego, e disse que a solução é parar todos os carros já segundo os vereadores estão todos irregulares, porém, ressaltou que só quem irá se prejudicar com tudo isso é o povo. 


Galego agradeceu ao deputado estadual Zé Humberto pela intervenção junto a superintendência dos correios para solucionar o problema que a população Jataubense passa com o órgão e disse que em breve terá uma reunião de representantes do órgão com o prefeito para tentar encontrar uma alternativa.
Rebatendo o discurso do vereador Maviael, Jackson disse: “Como é que o TCE diz que Jataúba é uma das cidades que mais tem desvios se o próprio órgão aprovou as contas dele, o senhor tá se contradizendo e alguém está mentindo nessa história, quem tá mentindo é o senhor ou o tribunal?”, questionou o vereador. 


Falando sobre o caso do popular Ramiro, Jackson disse: “Nunca fiz acordo de safadeza com ninguém, se o senhor tem o áudio solte ele, e outra se Ramiro de fato tá recebendo sem prestar o serviço é um safado, tá roubando os cofres públicos, se isso tá acontecendo e o prefeito sabe tá errado também, agora quando o senhor e mais 20 pessoas da prefeitura viviam mamando na prefeitura o prefeito era bom, agora ele não presta não é?”, declarou o vereador.

Firoca (PTB) – Falou sobre as denúncias do vereador Zuza sobre a questão dos empenhos e disse que os fatos tem que ser apurados a fundo uma vez que tem que se comprovar quem tá prestando serviço de fato e quem não tá, e fez cobranças mais uma vez ao vereador Jackson sobre os nomes dos responsáveis de transportar pessoas doentes do Enxotado, Jundíá, Riacho do Meio e Empoeiras.

Com relação a CPI disse que se trata de algo muito sério e que tem que se investigar com democracia e muita responsabilidade, ele disse que estudou muito sobre a questão da CPI e ainda tem muitos detalhes que precisam ser analisados, Firoca ainda disse que nenhuma lei impede o vereador Jackson e a Vereadora Josilene de fazer parte da comissão pelo fato de serem filho e irmã do prefeito respectivamente, mas, que cabe a eles usar o bom senso e se abster do processo.

O vereador agradeceu ao presidente da casa por ter sido escolhido como membro da CPI e disse que irá analisar se aceita ou não, e disse que só aceita participar da comissão se ele for presidente ou relator da mesma, Firoca ainda disse que no caso de votação de contas é diferente, pois, as mesmas já vêm analisadas por técnicos do TCE.

Veinho (PMDB) – Agradeceu a presença da Guarda Civil Comunitária e enalteceu o trabalho que os mesmos vêm realizando no município, o vereador disse acreditar que a CPI irá trazer muitos prejuízos à população, porém, ressaltou que o que estiver errado tem que ser investigado e com relação aos carros pipas disse que a prefeitura ajuda muita gente que precisa de água e muitas das vezes não pode comprar.

 Veinho questionou o porque do vereador Maviael querer a todo custo ser relator ou presidente da CPI e perguntou se Firoca não tem capacidade para participar da mesma, para Veinho o colega tem potencial suficiente para fazer um bom trabalho na comissão.
Os demais vereadores não se pronunciaram e faltou a sessão o vereador Naldo de Bileu (PTB) que não teve justificada a sua ausência, ficou marcado para segunda-feira uma reunião entre os três membros da CPI para definir quem será Presidente, relator e membro, e a próxima sessão ordinária ficou marcada para o dia 14 de setembro às 20 horas.


Jota Silva / Agreste No Ar / Fotos: Jataúba FM


PARCEIRO DO BLOG PORTAL DO AGRESTE

Nenhum comentário:

Postar um comentário