quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Novo regulamento no Campeonato Estadual de Futebol de Pernambuco de 2018 beneficiará equipes do interior
Reunião na FPF-PE definiu rumos do Pernambucano (Foto: Nathalia Dielu)

Na tarde desta terça-feira (03) foi definida durante Arbitral realizado na sede da Federação Pernambucana de Futebol, a fórmula do Campeonato Pernambucano para a edição 2018.

Juntos, as equipes do interior, além da companhia do América, eles votaram na proposta 2 e venceram o trio da capital formado por Sport, Santa Cruz e Náutico, cujos votos foram na proposta 1.

Com isso, o torneio contará onze times (Sport, Salgueiro, Santa Cruz, Náutico, Belo Jardim, Central, Flamengo, Afogados, América e Vitória, além do campeão da Série A2 deste ano) enfrentando-se na primeira fase em jogos de ida, sendo que cada equipe fará dez partidas, sendo cinco como mandantes.

As duas propostas no arbitral do Campeonato Pernambucano (Foto: Nathalia Dielu)

As duas piores colocadas ao final das rodadas serão rebaixadas para série A2 de 2019. Já os oito melhores seguem para a segunda fase (quartas-de-finais) que será em jogo único, assim como as semifinais, onde os times com as melhores campanhas como mandantes. A final terá jogos de ida e volta.

O início do campeonato estadual está previsto para ter início a partir de 17 janeiro e com termino em 18 de abril.
Transmissão da TV

O diretor de competições. Murilo Falcão destacou que três jogos por rodada serão transmitidos, um pelo Premiere, outro pela TV Globo (aberta) e um terceiro pelo site da FPF. Em relação aos clássicos na primeira fase, os jogos serão exclusivos do Premiere e jogo da TV aberta será entre um da capital contra um do interior.


Ney Lima


Nenhum comentário:

Postar um comentário