terça-feira, 21 de novembro de 2017

Desconstruindo a construção de Bruno Araújo

Alexandre Baldy garantiu a nomes docentrão que, tão logo assuma o Ministério das Cidades, revogará portaria baixada pelo antecessor Bruno Araújo (PSDB) no dia 6 para a contratação de 54 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida.
Segundo a colunista, parlamentares levaram a Temer a lista de municípios contemplados com investimentos de R$ 6,3 bilhões — grande parte é governada pelo PSDB.

"Mesmo ciente de que foi fritado pelo grupo que agora ascende no Ministério das Cidades, Bruno Araújo irá à pasta fazer uma transição com Baldy. A primeira conversa acontecerá nesta terça-feira".
A informação é de Daniela Lima, na coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta terça-feira.


Do : Magno Martins.



Nenhum comentário:

Postar um comentário