quarta-feira, 8 de novembro de 2017

LEVANTAMENTO – AGÊNCIA DO BANCO DO BRASIL EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE É A PIOR NA OPINIÃO DOS USUÁRIOS
De 23 de agosto a 05 de novembro a equipe de reportagem do Blog do Bruno Muniz realizou entrevistas com 108 usuários de agências bancárias em Santa Cruz do Capibaribe, questionando-os principalmente sobre o nível de satisfação ou insatisfação dos mesmos para com os principais bancos do município.

Surpreendentemente a agência do Branco do Brasil foi a mais criticada pelos usuários. Vale destacar que apesar dos números coletados serem apenas para uma avaliação não-oficial, o Banco do Brasil também se sobressai pois possui o maior número de usuários avaliados. No questionário digital os internautas com idades entre 18 e 50 anos eram solicitados a responder as seguintes perguntas:

– Qual agência(s) bancária(s) você utiliza?

– Entre péssimo, ruim, médio, bom e ótimo, qual a nota que você daria para sua principal agência?

– O que você acha que se fosse mudado poderia melhorar sua satisfação?

– Pensa em trocar de banco?


Dos 108 que aceitaram responder o questionário 47 afirmaram que utilizam o Banco do Brasil para praticamente todas as transações – depósito, saques, transferências, pagamento de contas e principalmente recebimentos por conta salário – e que enfrentam coincidentemente os mesmo problemas.

A Caixa Econômica Federal surge logo em segundo lugar como a mais desaprovada pelos usuários. Um detalhe interessante é que pelo menos 20% dos usuários avaliados possuem contas no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal, porém avaliam o BB como sendo o pior na cidade.

O banco Itaú é o terceiro em reclamações por parte dos usuários. Segundo a maioria dos usuários do banco, a demora no atendimento e a grande quantidade de clientes não corresponde ao tamanho da agência local.
Na avaliação geral os números ficaram da seguinte forma:

1º Banco do Brasil

De 47 usuários entrevistados, 41 estão insatisfeitos e deram notas entre 0 e 4.

Pelo menos 29 usuários acreditam que mais caixas eletrônicos que funcionem melhorariam a qualidade do banco.
 19 usuários asseguram que pretendem mudar de agência já no próximo ano.

— Média de nota: 2

2º Caixa Econômica Federal

 De 26 usuários entrevistados, 21 estão insatisfeitos e deram notas entre 0 e 6.

Pelo menos 11 usuários acreditam que mais rapidez no atendimento melhoraria a qualidade da agência I. Na agência II as queixas são dos caixas.

8 usuários afirmaram que já estão em processo de mudança de agência.

— Média de nota: 3

3º Itaú

De 11 usuários entrevistados, 11 estão insatisfeitos com a agência local e deram nota entre 1 e 7.
 9 usuários acham que a agência não oferece o suporte presencial e técnico necessário aos clientes.

 3 usuários afirmam que desejam mudar de banco.

Média de nota: 3,5

4º Santander

 De 7 usuários entrevistados, 6 afirmam que a agência não atende as expectativas em espaço, mesmo assim deram notas entre 4 e 8.

5 dos clientes avaliados alegam que uma agência mais ampla melhoraria a relação da empresa com os usuários.
 Ninguém alegou desejar mudar de agência no momento.
— Média de nota: 4

5 º Bradesco

 De 6 usuários ouvidos, 4 alegam que a agência local atende apenas parte das expectativas. As notas ficaram entre 1 e 9.

 5 dos clientes ouvidos acreditam que um atendimento mais rápido poderia melhorar a qualidade da agência.

Apenas 1 dos ouvidos afirmou que deseja mudar de agência.

— Média de nota: 4,5

— Outros 11 usuários reclamaram isoladamente de agências e cooperativas de crédito.


Canal direto
Todos os bancos citados nesta reportagem possuem canais de interação entre os clientes. Para mais informações elencamos abaixo os contados disponibilizados por cada agência para o exercício de reclamações. Confira:


Banco do Brasil – 0800 729 0722

Caixa Econômica Federal – 0800 726 0101

Banco Itaú – 0800 970 4828

Santander – 0800 702 3535

Bradesco – 0800 704 8383


Bruno Muniz


Nenhum comentário:

Postar um comentário