segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

DOIS ARGUMENTOS RUINS CONTRA COTAS RACIAIS PARA NEGROS
O primeiro argumento ruim diz que negros têm a mesma capacidade que brancos. Mas essa crítica erra feio o alvo. Os defensores das cotas não discordam que negros e brancos possuem as mesmas capacidades. O que eles apontam é que eles geralmente negros e brancos não têm as mesmas oportunidades. Resumindo, cotas são sobre oportunidades, não sobre capacidades.

O segundo argumento ruim diz que cotas raciais já são uma forma de exclusão e uma espécie de racismo ao contrário. Afinal, se somos iguais, deveríamos ser tratado igualmente. A primeira falha desse argumento é que não somos iguais. Existem idosos, crianças, gestantes, recém-nascidos, milionários, mendigos, deficientes, pessoas saudáveis, acidentados, etc. Todos eles devem ter direitos iguais, mas não podem ser tratados da mesma forma. 


A segunda falha é que ele confunde oferecer oportunidades com exclusão. Se alguém ganha à oportunidade de ingressar no ensino superior não estará sendo excluído, mas incluído. A terceira falha é que normalmente racismo é excluir ou inferiorizar outras pessoas, principalmente devido à etnias ou características físicas. Oferecer oportunidades alguém é excluir ou inferiorizar? Claro que não.

Eu adoraria ser excluído e inferiorizado ganhando uma oportunidade de estudar em Havard!


Carlos Wilker


Nenhum comentário:

Postar um comentário