terça-feira, 10 de abril de 2018

Defensor público do estado Manoel Jerônimo se filia ao PROS
Foto: Glauce Gouveia/Cortesia (Foto: Glauce Gouveia/Cortesia)
O defensor público geral do estado, Manoel Jerônimo, foi anunciado, ontem, como vice-presidente estadual do PROS, durante ato no qual se filiou ao partido. "Criei coragem de atender ao chamado de anjos de Deus, que são meus amigos, minha família e pessoas assistidas pela Defensoria Pública de Pernambuco. Por eles, por vocês aqui presentes e pela população que mais precisa, avaliarei se serei candidato a deputado estadual", disse, em discurso feito a um público formado por cerca de 500 pessoas entre advogados, defensores públicos, parentes, amigos, engenheiros, empresários e políticos.
O evento, que aconteceu à noite, no Empresarial RioMar, foi aberto pelo novo presidente estadual do PROS, o deputado federal João Fernando Coutinho, que deixou o PSB no mês passado. "Manoel Jerônimo foi um dos que mais me incentivou a deixar a zona de conforto em que eu estava para desbravar novos caminhos no estado. E em vinte dias estamos trabalhando para construir a nossa chapa às eleições deste ano. Já temos 53 pré-candidatos a deputado estadual, com possibilidade de elegermos três", afirmou o parlamentar.
Imagens do Dr. Manoel em visita a Jataúba

O presidente estadual do PSD, deputado federal André de Paula, também prestigiou o ato e disse que, apesar de ser de outra sigla, da chuva que caía ontem à noite, do engarrafamento que teve que enfrentar e dos compromissos que tinha por ser uma noite de sexta-feira, estava ali por ser grato ao defensor público. "Fiz questão de vir hoje aqui motivado pela admiração, pelo respeito e pela gratidão que tenho a Manoel Jerônimo. Tive o privilégio de, na minha última eleição (2014), ter o apoio dele e de vários defensores que o seguiram", declarou o deputado.
Manoel Jerônimo se licenciou segunda-feira 09 do cargo. Segundo ele, tirará uma licença prêmio de três meses para percorrer o estado e ouvir as pessoas. "Será a partir do que ouvirei que definirei se serei candidato ou não a uma vaga na Assembleia Legislativa", observou. Se assim decidir, garante que o foco de sua campanha e de seu mandato (em caso de eleição) será a inclusão social. "É preciso fazer uma história de garra e amor em nome da justiça social. E não se faz história sozinho."
Manoel Jerônimo é paraibano e filho de um paraibano e uma pernambucana. Está em seu segundo mandato à frente da Defensoria Pública de Pernambuco, considerada modelo a ser seguido pela Organização dos Estados Americanos. Formado em Direito pela Universidade Estadual da Paraíba, já foi advogado criminal, cível e trabalhista. Foi aprovado no concurso público da Defensoria em 2006 e nomeado em 2008.
Agradecimento popular -  líder comunitário de Três Carneiros de Baixo, no Ibura, José Eduardo da Silva, disse que também enfrentou a chuva e os engarrafamentos para estar presente à filiação de Jerônimo ao PROS por gratidão. "Há oito anos vejo o trabalho dele lá na nossa comunidade. É casamento, divórcio, pensão alimentícia, DNA, retificação de registro e tantas outras coisas que ele faz pela comunidade. Sabe quantas pessoas atendemos por causa dele por mês? Mais de 500", informou.



Diário de Pernambuco


Nenhum comentário:

Postar um comentário