terça-feira, 10 de abril de 2018

Governador Paulo Câmara saiu no lucro após findar filiações 
Mesmo sendo um neófito na política, o governador Paulo Câmara conseguiu sair com um resultado extraordinário do período de pré-campanha. Nenhum deputado saiu da base aliada para a oposição, bem como nenhum partido trocou a Frente Popular por outro projeto.

Paulo Câmara entrará na disputa com uma frente política tão representativa quanto a que foi formada por Eduardo Campos em 2014, o que faz dele o favorito a vencer a disputa.

Como se não bastasse não perder nenhum partido ou apoio político, cujas alterações se deram entre os partidos que compõem sua base, Paulo Câmara assiste de camarote uma oposição que segue patinando na estratégia e até mesmo sobre quem será o candidato.

Paulo também terá um verdadeiro exército, numa proporção significativa de vantagem, para pedir votos para o seu projeto em todas as regiões do estado.

Faltando menos de seis meses para a eleição, o governador mesmo não realizando uma gestão extraordinária, tem resultados na segurança pública, na educação e em outros segmentos que fazem dele um candidato competitivo. Mesmo representando um projeto de doze anos, o governador está com a faca e o queijo para renovar o seu mandato e garantir dezesseis anos de hegemonia para o PSB mesmo sem ter Eduardo Campos ao seu lado para articular seu projeto.


Edmar Lira


Nenhum comentário:

Postar um comentário