sábado, 14 de abril de 2018

"Mamão é uma pessoa que não vou mais pra campanha com ele", declara vereador Firoca (PTB)

Foto: Jota Silva

No último sábado 07/04 aconteceu na chácara do vereador Firoca, a transmissão do programa “Avante Amigos”, programa que vai ao ar todos os sábados pela Rádio Jataúba FM 87,9 das 11:00 até as 13:00 horas. Vários fatos chamaram atenção durante o programa e até hoje é tema de conversas, principalmente nos grupos de Whatsapp e demais redes sociais.
Tais fatos repercutiram muito nos principais blogs da cidade e da região, e o grupo denominado “terceira via” ganhou um lugar de destaque na imprensa, inclusive pelas entrevistas concedidas. Porém uma das entrevistas concedida ao nosso blog pelo vereador Firoca chamou bastante atenção pelas colocações e afirmações feitas por ele ao grupo de oposição e ao líder político Fábio Mamão (Sem Partido).

As adesões: Recentemente o ex-candidato a vereador Fábio Duque (Fabinho do Conselho do Tutelar) se desfilou do PTB. Questionado sobre a possibilidade de Fabinho aderir ao grupo da terceira via, Firoca disse: “Fabinho é uma pessoa importante e querida, e que teve 160 votos, tenho certeza que depois que passou as eleições, ninguém foi perguntar se ele teve uma dor de dente, não tem respeito no partido que ele tava, ninguém deu valor e Firoca vai atrás”.

Outra ex-candidata a vereadora que, aderiu ao grupo da terceira via foi Cristina, que disse que recebeu o convite de Firoca e diante do que lhe foi apresentado, aceitou o convite e que veio para somar juntamente com Chico de Ireneu (PODE) e Firoca (PTB). Diante dessa adesão Firoca falou que Cristina era uma mulher batalhadora e guerreira, e na eleição passada (2016), vendo as condições que ela trabalhava na campanha, chegou a sentir dó dela, porque ninguém ajudou com uma casca de juá.
As polêmicas: No ponto mais polêmico da entrevista, Firoca foi questionado se existia alguma mágoa e se houve alguma perseguição do grupo de oposição liderado por Fábio Mamão. O vereador foi enfático e disse: “O líder do partido não teve se quer respeito com o vereador, por que eu já era vereador, não teve respeito com minha pessoa, não me ajudou com nada. Ajudou alguns vereadores e eu fui escanteado. E outra, o dinheiro veio, mas foi dado a uns e a outros não, e eu fui um dos que não”. 

Questionado sobre a origem desse dinheiro e quem tinha sido o doador, Firoca disse: “Eu sou muito amigo de Kleber Morais, e Kleber Morais disse que veio o dinheiro, o Mendonça Filho ajudou, agora ajuda pra mim vereador não teve não, o valor eu não sei, só sei que pouco não foi”.
Cristina também comentou sobre o fato e disse que também não recebeu tal ajuda que veio para os candidatos da oposição na eleição de 2016. “A mágoa que eu tenho é que o deputado mandou o dinheiro e alguns receberam e outros não”. Disse Cristina.

Finalizando as polêmicas o vereador Firoca salientou que “Não tenho mágoa, mas é uma pessoa que não vou mais pra campanha com ele, como é que eu vou pra uma campanha com um cara que ajuda a fulano e não ajudou nós?”. Disse Firoca referindo-se ao líder político Fábio Mamão.
As eleições de outubro é logo ali e até 2020 muitas águas irão rolar por debaixo das pontes, enquanto isso, estaremos atento observando tudo o que acontece nos bastidores da política.

Confira a íntegra da entrevista feita por Isaac Silva e Diogenes Ramos



Diogenes Ramos/ Blog do didiramos


Nenhum comentário:

Postar um comentário