quinta-feira, 14 de junho de 2018

Nova unidade do Horta em Todo Canto é inaugurada no IPA
A iniciativa, que integra a conscientização ambiental com a segurança alimentar e nutricional, já foi implantada em 152 espaços públicos no Estado

Com o objetivo de expandir e fortalecer ainda mais as ações de conscientização ambiental e sustentabilidade em Pernambuco, o governador Paulo Câmara e a primeira-dama Ana Luiza inauguraram, a Horta Escola do programa Horta em Todo Canto, no Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA). A iniciativa, que contempla a implantação de hortas orgânicas nos espaços públicos do Estado, tem o objetivo de contribuir para a Segurança Alimentar e Nutricional (SAN), além de trabalhar questões como a inclusão social,educação ambiental, resgate do saber popular e economia solidária. Atualmente, já existem 152 hortas implantadas, entre as quais, 136 estão localizadas na Rede Estadual de Ensino.
“A gente mostra que é possível, com ações simples, mas com criatividade, esforço e dedicação de todos nós que conseguimos fazer a diferença através de programas como este. O mundo depende disso. O desenvolvimento precisa de um meio ambiente protegido. E ações como essa incentivam e educam a preservar o meio ambiente, a implantar essas hortas com um olhar de transformação. Por outro lado, esse trabalho vai ajudar a inserção de muita gente em atividades novas, atividades econômicas, inclusive. É um espírito multiplicador. Como governador, eu tenho muito orgulho de implantar programas como esse e poder multiplicar, expandir em todo o Estado”, destacou o governador, que também visitou o herbário e a biblioteca do IPA.
Além da implantação da horta, a iniciativa atua como um espaço para terapiaocupacional e tem oportunizado aos reeducandos a qualificação, assim como a oportunidade de aliar a atividade à redução de pena, a exemplo do hospital Ulisses Pernambucano e do Centro de Reeducação da Polícia Militar de Pernambuco (CREED), o presídio de Itamaracá, o presídio de Canhotinho, e o Fórum de Arcoverde. Outro ponto relevante do Horta em Todo Canto é o trabalho de educação alimentar e nutricional realizado através das rodas de conversa, que têm proporcionado a reflexão sobre os hábitos alimentares, na perspectiva da segurança alimentar e nutricional (SAN).
Para o secretário estadual de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista, a iniciativa simboliza a preocupação do Governo com disseminação de práticas sustentáveis e saudáveis, não só no meio rural. “A gente tem procurado desenvolver exatamente o que o governador tem determinado, que é procurar inovar, procurar utilizar todos os nossos recursos para fazer a diferença, para que a sociedade possa perceber que o Governo de Pernambuco está preocupado com a melhorar a qualidade de vida de todos, envolvendo também a produção e todos os aspectos veiculados a agricultura”, registrou.
CURSO - O programa oferece também o Curso de Implantação de Horta Orgânica atualmente sob responsabilidade do IPA, com apoio do CEASA. Este curso está em processo de ampliação para ser também executado pelo CEFOSPE, e também ser descentralizado para o Interior do Estado. Com 4 módulos, o curso ocorre uma vez por semana das 8:00 as 17:00, formando um total de 32hs, para o publico em geral, servidores do Estado com destaque para professores, e gestores da educação,profissionais da saúde, extensionistas do IPA. Vale salientar que o curso reserva mensalmente duas vagas para reeducandos da FUNASE. O curso oferece aulas por meio de uma metodologia participativa na horta do IPA, com conteúdos específicos, entre os quais são abordados minhocário, compoteira e sementeira. A ação já formou, desde setembro 2017, 236 pessoas em 06 turmas.
KITS E CERTIFICADOS – Na oportunidade, Paulo também realizou a entrega dos certificados aos concluintes do curso de implantação da horta orgânica, que representaram as turmas participantes da Secretaria de Educação, Funase, sociedade civil e agricultores familiares. Também foi realizada a entrega de Kits Horta para a Secretaria da Mulher. Os kits serão destinados à implantação de hortas orgânicas nas casas abrigo coordenadas pela pasta, contendo, além dos equipamentos específicos, 250 kg de adubo orgânico produzido pelo CEASA. “Esses kits vão oferecer mais uma oportunidade de qualificação para as mulheres, que temporariamente estão protegidas pelo Estado, de refazerem suas vidas quando saírem do abrigamento provisório”, alegou a secretária estadual da Mulher, Sílvia Cordeiro.
REFERÊNCIA - O Herbário Dárdano de Andrade Lima é referência nacional e internacional para as plantas do Nordeste Brasileiro, em particular as espécies do bioma caatinga. Contando com mais de 83.000 exsicatas, é formado por várias coleções botânicas representativas dos diversos ecossistemas da região. Possui acervo que constitui suporte técnico e científico para Universidades (cursos de Graduação e Pós-Graduação), Escolas de Ensino Fundamental e Médio, demais instituições públicas, privadas e ao público em geral. Integra ainda o Laboratório de Botânica do IPA, estando aberto a consultas e visitas.
Participaram da solenidade também a deputada estadual Laura Gomes; os secretários estaduais Cloves Benevies (Desenvolvimento Social, Criança e Juventude) e Carlos Cavalcanti (Meio Ambiente); o prefeito de Bom Conselho, Dannilo Godoy; a coordenadora do Comitê Gestor do Horta em Todo Canto, Mariana Suassuna; a diretora-presidente do IPA, Nedja Moura; o diretor-presidente do Instituto de Terras e Reforma Agrária do Estado, André Negromonte; o diretor-presidente da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária; Paulo Lima; e o secretário executivo de Agricultura Familiar, José Cláudio.


Informações da Assessoria de Comunicação


Nenhum comentário:

Postar um comentário