terça-feira, 10 de julho de 2018

Em Surubim madrugada de terror assustam moradores. Quatro agências bancárias foram alvos de bandidos fortemente armados
Pessoas chegaram a ser feitas reféns, sendo uma delas baleada.

A madrugada desta terça-feira (10) foi de muito terror na cidade de Surubim, onde quatro das cinco agências bancárias da cidade foram alvos de criminosos fortemente armados.
De acordo com informações reveladas por correspondentes, o grupo composto por cerca de 40 criminosos, divididos em 08 grupos com caminhonetes, invadiu a cidade por volta da 00h40, em vários carros e também armados com metralhadoras e fuzis.
Os criminosos já chegaram atirando para o alto e se espalharam por vários pontos, realizando bloqueios nas principais ruas do município. Os criminosos também realizaram um bloqueio a sede do 22º BPM, onde atearam fogo em veículos e também trocaram tiros com os policiais lá presentes.
Enquanto os policiais eram contidos, o grupo explodia as agências do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco e Santander. Apenas o Banco do Nordeste não foi alvo da quadrilha.
Os caixas eletrônicos dos bancos alvos teriam ficado intactos, porém os cofres do Banco do Brasil e da Caixa Econômica foram explodidos. Bandidos chegaram a tentar explodir os cofres das outras duas, mas não conseguiram.
Três pessoas também foram feitas reféns e usadas como escudos nos veículos, sendo liberados apenas horas depois, já na zona rural do município.
 Um deles chegou a ser baleado na perna por um dos criminosos, porque teria se negado a dar a chave de um carro de passeio.
Não há informações de quanto dinheiro pode ter sido levado pela quadrilha. O ferido foi socorrido e depois transferido para Recife, mas não corre risco de morte. É uma das ações mais violentas registradas contra bancos na região do Polo de Confecções. Os criminosos fugiram sentido Paraíba. Vídeos gravados por populares mostram momentos durante e após as ações da quadrilha.

Ney Lima / Agreste em Alerta / TV Clube PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário