sábado, 21 de julho de 2018

Geraldo Julio precisa da vitória de Paulo Câmara 
Se em 2016 o governador Paulo Câmara fez gestos no sentido de fortalecer a reeleição de Geraldo Julio no Recife, nas eleições deste ano, o governador Paulo Câmara precisará do empenho e do entusiasmo do prefeito Geraldo Julio na sua campanha. Mas ajudando Paulo, Geraldo estará ajudando o PSB e principalmente melhorando os seus dois últimos anos de gestão e a sua própria sucessão.

Na hipótese de Paulo Câmara ser reeleito, Geraldo Julio ficará com sua gestão livre para trabalhar a ponto de garantir a chance de fazer o sucessor em 2020, já no caso de uma derrota do atual governador, a gestão de Geraldo ficará estrangulada e ainda ficará muito difícil a construção da sua sucessão, pois quem sentar na cadeira de governador trabalhará diariamente visando eleger um aliado na prefeitura do Recife.

Sem o governo, muitos que estão abrigados na estrutura estadual terão que receber guarida na prefeitura do Recife, e como não há espaço pra todo mundo, Geraldo inexoravelmente ganhará um sério problema para administrar, uma vez que a pressão recairá sobre suas costas para garantir a existência do PSB no estado após uma eventual perda do Palácio do Campo das Princesas.

Gozando de boa avaliação na capital, Geraldo Julio será um importante eleitor na disputa pelo governo, caberá a ele a incumbência de ajudar a fortalecer Paulo Câmara na capital onde está concentrado o maior eleitorado do estado. Geraldo, inclusive, conta com uma tropa fiel de vereadores e suplentes de vereador para fazer com que Paulo saia vitorioso no Recife e que esta vitória irradie para os demais municípios da RMR e naturalmente para todo o interior do estado.

Se entrar de corpo e alma na eleição de Paulo Câmara, tal como fez em 2014, Geraldo Julio será um dos maiores responsáveis no caso de uma vitória e dividirá o bônus dela com o governador, tornando-se um forte candidato a fazer o sucessor no Recife e será o primeiro da fila para suceder Paulo Câmara em 2022.


Edmar Lira


Nenhum comentário:

Postar um comentário