quinta-feira, 19 de julho de 2018

MUNDO CÃO; PAI PRESO POR ABUSAR DO FILHO AMEAÇAVA: “MENINO BONITO NÃO GRITA”
Foto: Cidade de Montanha Espirito Santo

Um homem, que não teve a idade revelada, foi preso em Montanha no estado do Espirito Santo, acusado de abusar sexualmente do próprio filho, um menino de 5 anos. A prisão preventiva por estupro de vulnerável foi um pedido do Ministério Público do Espírito Santo (MPES) e o mandado foi cumprido.Pai preso por abusar do filho ameaçava: “Menino bonito não grita” 

Segundo a decisão judicial, há “indícios fortes e veementes” de que o acusado “vem praticando reiteradamente atos libidinosos” contra seu filho e que se trata de um “crime grave”. O suspeito é separado da mãe do menino há um ano e a vítima passava o dia com o pai nos finais de semana, mas não dormia no local. O homem se aproveitava dos momentos a sós com o filho para molestá-lo.

De acordo com o MPES, neste mês o menino se queixou com a avó materna e acabou contando para a mãe sobre os abusos sofridos quando estava com o acusado. A mãe procurou uma unidade de saúde e o Conselho Tutelar para denunciar o ex-marido.

TERROR PSICOLÓGICO; Em depoimento para a Promotoria do Ministério Público, o garoto afirmou que o pai “faz coisa ridícula e do mal” com ele. Após cometer os abusos, o suspeito falava para o filho não contar para ninguém, senão a mãe e a avó chorariam e o pai iria preso. O menino ainda teria contado para a mãe que o acusado pedia para ele não gritar durante os estupros, pois “menino bonito não grita”.

Já a mãe revelou em depoimento que estranhava que o ex-marido sempre presenteava o filho com brinquedos novos e ela acredita que o acusado fazia isso para conseguir praticar os abusos. Também contou que a criança voltava agressiva da casa do pai e há alguns meses passou a ter distúrbios do sono.

O garoto acordava trêmulo e assustado no meio da noite, disse a mãe para a Promotoria. Além disso, a vítima tem apresentado dispersão em sala de aula e a mãe chegou a ser chamada pela professora para conversar sobre o comportamento do filho na escola.

Após a denúncia, o acusado foi preso, na casa onde morava, em Montanha, e foi encaminhado para a Penitenciária Estadual de Vila Velha V. O nome do homem não será divulgado para preservar a identidade da criança



nortenoticia.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário