segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Governador Paulo Câmara cumpre primeira agenda político-administrativa em Santa Cruz do Capibaribe como candidato a reeleição
Evento que apresentou nomes do grupo governista para as eleições marcou encerramento de compromissos 

Na última sexta-feira (11) o governador Paulo Câmara (PSB), que também é candidato a reeleição, cumpriu uma agenda político-administrativa em cidades do Polo de Confecções, em especial Santa Cruz do Capibaribe.

A vinda do governador é a primeira após a confirmação de sua nova candidatura ao palácio do Campo das Princesas e foi marcada por visita a obras em andamento no município e também a participação em um encontro partidário, onde foram apresentados nomes que também irão concorrer nas próximas eleições pela coligação Frente Popular.

Parte administrativa; Acompanhado de secretários de governo, prefeitos, vereadores e lideranças de Santa Cruz do Capibaribe e de outros municípios como Recife, Jataúba, Brejo da Madre de Deus e Taquaritinga do Norte, além do deputado estadual Diogo Moraes (PSB) e de João Campos (filho do ex-governador Eduardo Campos), Paulo Câmara começou sua visita concedendo uma entrevista na Rádio Comunidade FM.

Em seguida, visitou parte das obras da PE-160 que ocorrem no perímetro urbano e, em seguida, se dirigiu para outra frente de trabalho, desta vez na área onde estão sendo instaladas a tubulações de engate rápido da adutora Alto Capibaribe.
Lá ouviu de um dos engenheiros o andamento da obra que, de acordo com a própria Compesa, está seguindo o cronograma estipulado e já conta com 2,5km de tubulação já instalada.
“É uma obra que vai, com certeza, ajudar e muito no desenvolvimento de Santa Cruz do Capibaribe e de outras cidades por onde a água vai chegar através desses canos” – disse ele.

Os próximos passos foram a visita as obras da estação de tratamento que está sendo feita pela Compesa (obra avaliada em quase R$ 100 milhões) e depois seguiu para a sede da Ascap, onde conferiu de perto o trabalho das máquinas de enfesto e corte computadorizados de tecidos, que também possuem financiamento através de recursos estaduais.

.
Baixa presença de público e críticas sobre desabamentos do teto do Calçadão marcam evento político
Após o cumprimento da parte administrativa da agenda, foi a vez do Governador e integrantes da comitiva realizarem o ato político de apresentação dos nomes que integram a coligação Frente Popular. Um fato que chamou a atenção foi o baixo comparecimento popular ao evento, que aconteceu na quadra coberta da Casa da Criança.
Além do governador, Diogo e João Campos, também estiveram no evento o deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB) e também o senador Humberto Costa (PT). Ambos concorrem as duas vagas ao Senado Federal, sendo que este último busca reeleição.
João Campos entra na disputa como o candidato a deputado federal pela coligação e falou também sobre os desabamentos que ocorreram em parte do teto do Calçadão Miguel Arraes:
“Conheço a história daquele Calçadão e tenho certeza que o que foi feito ali foi uma agressão a história de Miguel Arraes e mais ainda a este povo” – disse.

Já no seu discurso, Paulo Câmara também fez críticas quanto aos desabamentos do teto do Calçadão, aos adversários aliados ao candidato Armando Monteiro (PTB) e também falou sobre seus candidatos.

“O sonho daquele empreendimento foi realizado, mas não ficou bem feito. Mas vamos sim deixar ele bem feito” – disse e completou: “Olhamos essas obras que estão sendo feitas a exemplo dessa PE-160, que está quase acabando e vai servir milhares de pessoas. Tem também as obras na BR-104 e na Estação de Tratamento, esta que vai ficar pronta em 2019. Elas vão ajudar muita gente e é hora de pedir ajuda a vocês, para que não deixem essa turma do (presidente) Michel Temer tomar o poder” – disse.
Ao final, o governador citou que essa não seria sua única visita a Capital da Moda durante o período eleitoral.


Ney Lima


Nenhum comentário:

Postar um comentário