sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

Pai de Santo é preso em Monteiro por Estelionato após aplicar golpe e prometer que homem voltaria para sua ex mulher.
Um Pai de Santo de aproximadamente 50 anos, foi preso após aplicar um golpe de R$2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) em um homem que passava por dificuldades amorosas e com sintomas de depressão, ao procurar os serviços do Pai de Santo para tentar solucionar seus problemas.

De acordo com relatos da vítima, ele estava com constantes dores de cabeça, insônia e sintomas de depressão, e tinha separado de sua amada a pouco tempo e queria voltar pra mulher, só que ela já estava com outro. A vítima revelou que por esses motivos estava frequentando a casa do Pai de Santo, que se diz rezador, na Vila Santa Maria (papa), por trás do bar de Vera.

O homem resolveu retornar a residência do rezador em uma moto, ao chegar, tinha uma mulher lá, e a mesma disse que estava baixando a entidade da Pomba Gira, e tinha uma mensagem, dizendo que a moto que ele estava tinha sido feito um trabalho, e caso ele não se desfizesse da moto ele ia morrer em baixo de um caminhão. Temendo por sua vida de imediato ele vendeu a moto, a moto que tinha um valor estimado em 3 mil reais, vendeu por R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos), depois de se desfazer da moto voltou até o rezador, chegando lá o rezador mandou fazer um trabalho com o dinheiro por que até o dinheiro não era bem vindo pra ele, o Pai de Santo fez um pequeno caixão de madeira, e pediu para o cliente sentar olhando pra saída e o rezador ficou por trás dele, com o caixão na cabeça dele disse pra ele entregar o dinheiro com a mão esquerda, que iria colocar o dinheiro dentro do caixão, junto com a vela, após o ritual pediu que ele enterrasse o dinheiro.

O rezador disse para o homem que depois disso a mulher ia voltar, as dores de cabeça, insônia, depressão ia acabar. O acusado ainda argumentou para vitima que ao colocar os dois mil e quinhentos no caixão, e enterrar, quando ele morresse ia aparecer em um sonho para filha dizendo onde o caixão estava e que esse dinheiro se transformaria em ouro em benefício da filha dele.

Assim que terminou o trabalho, pegou o caixão que colocou o dinheiro, e saiu da residência, após caminhar alguns metros, desconfiado resolveu abrir o caixão com a chave e percebeu que o dinheiro, os dois mil e quinhentos reais, não estava no caixão.

A vítima retornou à casa do rezador e perguntou porque ele tinha feito aquilo, e porque tinha o enganado, e o rezador disse que quem tinha atrapalhado o trabalho tinha sido ele, porque ele não tinha autorização para abrir o caixão, e disse que as entidades os espíritos tinham transformado o dinheiro em papel amassado.

Depois de não mais acreditar a vítima ligou para a polícia militar, e a polícia militar conduziu os dois para delegacia. O Pai de Santo, foi preso em flagrante por estelionato.


Com O PIPOCO


Nenhum comentário:

Postar um comentário