quinta-feira, 28 de fevereiro de 2019

Pernambuco tem previsão de chuva durante todo o carnaval
Durante o carnaval, a previsão é que chova todos os dias, entre a sexta-feira (1º) e a Quarta-feira de Cinzas (6), de acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima. No Recife e em Olinda, principais focos da folia na Região Metropolitana, os foliões que virarem a noite nas ruas ou que acordarem cedo para acompanhar os blocos podem ser surpreendidos por chuva fraca.

De acordo com a meteorologista Zilurdes Lopes, o folião deve contar com a ajuda da chuva para dissipar um pouco do calor das ladeiras de Olinda e dos blocos no Centro do Recife, a partir da sexta-feira (1º), especialmente durante as primeiras horas do dia. À tarde, o sol a pino deve ser a realidade de quem se aventurar na folia pernambucana.

"No litoral de Pernambuco, a previsão é de chuva fraca e isolada da sexta-feira (1º) à segunda-feira (4), mas por causa da ação da brisa, essas precipitações devem ocorrer na madrugada e manhã. Essa previsão é a mesma para o Agreste do estado. No Sertão, deve chover todo dia, à tarde ou noite", diz a meteorologista.

Ainda segundo Zilurdes, na Terça-feira Gorda (5) e na Quarta-feira de Cinzas, que neste ano é feriado por causa da Data Magna de Pernambuco, o clima também deve ser de chuva, mas com intensidade mais forte.

"No Grande Recife e Agreste, na terça e quarta, devemos ter chuvas com intensidade de fraca a moderada, inclusive de forma homogênea. Ou seja, pode chover em todos os municípios. Mas o horário da chuva continua sendo na madrugada e na manhã", diz.

Em 2018, o carnaval ocorreu no início de fevereiro e isso, segundo Zilurdes, faz com que a época da folia coincida com um período mais chuvoso. Apesar disso, as temperaturas no estado estão mais elevadas que o usual, segundo a Apac.

"Estamos com um vórtice ciclônico de altos níveis e ele se desloca, podendo ficar mais propício às chuvas. De um dia para o outro a previsão pode mudar, principalmente mais próximo do litoral, por causa das brisas oceânicas", explica a meteorologista.


Fonte: G1-PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário