quarta-feira, 3 de abril de 2019

Alessandra Vieira defende criação de matadouro regional no Agreste
A deputada Alessandra Vieira (PSDB) afirmou, durante a Reunião Plenária desta terça-feira (02), ter solicitado audiência com o secretário estadual de Agricultura, Dilson Peixoto, para sugerir a criação de um matadouro público regional para o Agreste de Pernambuco. A parlamentar explicou que a medida seria uma solução para pelo menos dez municípios da região que tiveram os serviços de abate de animais interditados por não atenderem às normas sanitárias.

A afirmação foi uma resposta ao deputado Diogo Moraes (PSB) que, na reunião de segunda (1º), criticou a gestão de Santa Cruz do Capibaribe por cobrar recursos financeiros do Governo do Estado para corrigir as falhas apontadas pelas agências de fiscalização no matadouro do município. “Assim como em outras cidades da região, falta dinheiro para a reforma”, ressaltou Alessandra.

A tucana lembrou que, desde 2005, a Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado (Adagro) vem alertando sobre os problemas no equipamento de Santa Cruz do Capibaribe, mas nenhum prefeito conseguiu resolver a questão. Ainda segundo ela, o município aguarda, desde 2016, repasse estadual de R$ 4 milhões para a área de saúde, mas, nem por isso, vem deixando de administrar a Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Em discurso no Grande Expediente, Diogo Moraes reafirmou que Santa Cruz do Capibaribe tem recebido recursos suficientes e deveria recuperar o matadouro sem precisar recorrer ao Governo do Estado. Segundo o socialista, só “uma boa auditoria poderia revelar como anda a administração de Santa Cruz do Capibaribe”.


Assessoria


Nenhum comentário:

Postar um comentário