segunda-feira, 15 de abril de 2019

Alessandra Vieira diz fazer oposição à Paulo, mas que não aprecia 'oposição terror'
Em entrevista ao programa Cidade em Foco, da Rede Agreste de Rádios, Alessandra Vieira, deputada pelo PSDB, afirmou que embora faça oposição ao governador Paulo Câmara (PSDB), ex-aliado, não tratará a político como 'terrorismo'. A deputada que é esposa do prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira (PSDB), está hoje em seu primeiro ano de mandato como parlamentar.

"Alessandra Vieira não tem o perfil de fazer 'oposição terror'. A gente é oposição, sou oposição e não temos conversa com ninguém do governo. Não estamos fazendo oposição raivosa, nossa posição é de defender o povo de Pernambuco. Então, vou estar lá cobrando, lutando e brigando por melhorias para o povo de Pernambuco, não vou estar lá fazendo terrorismo, não é o meu perfil", disse.

Alessandra destacou ainda que tem visado fazer um mandato voltado para as necessidades das pessoas, sobretudo das mulheres as quais defende como causa.

"Sempre falei que o meu papel seria defender o povo de Pernambuco, lutar por melhorias, defendendo a mulher, defendendo direitos iguais, junto com a bancada feminina que cresceu, isso mostra que as mulheres estão buscando o espaço delas, também vou lutar pelas pessoas com deficiência e lutar por nosso grande Polo de Confecções. São as três bandeiras que vou levantar", afirmou a deputada.


Cidade em Foco


Nenhum comentário:

Postar um comentário