sexta-feira, 26 de abril de 2019

Nova Previdência avança para salvar estados e municípios
Esta semana se encerra com uma grande vitória para a economia brasileira, pois a Comissão de Constituição e Justiça aprovou por 48 votos a 18 o texto base da Reforma da Previdência, depois tivemos a instalação da Comissão Especial que avançará com a discussão na Câmara dos Deputados.

A tramitação da Nova Previdência no Congresso Nacional aumenta a expectativa do governo Jair Bolsonaro e de setores da economia na aprovação de uma das reformas mais importantes para o país, uma vez que a expectativa de vida do brasileiro aumentou e não houve ajustes efetivos para a seguridade social, que serão corrigidos com a aprovação da PEC.

Além do governo federal, que poderá economizar até R$ 1,2 trilhão em dez anos, estados e municípios terão fôlego de caixa no mesmo período. Pernambuco, por exemplo, que tem um déficit estimado em R$ 3 bilhões na Previdência, terá uma economia de R$ 12 bilhões nos próximos dez anos, facilitando investimentos em outras áreas contingenciadas por conta da escassez de recursos.

Diferentemente do que muita gente prega, a aprovação da Nova Previdência terá impacto semelhante na economia ao que tivemos através do Plano Real, uma vez que ela será o pontapé inicial para um novo Pacto Federativo e para outras medidas que darão ao Brasil nova perspectiva, sobretudo na geração de emprego e renda.


Edmar Lyra


Nenhum comentário:

Postar um comentário