sábado, 25 de maio de 2019

Em Cidade do Sertão Pernambucano Polícia investiga grupo de WhatsApp que alertava sobre blitz na cidade e região
Segundo a PM, a operação visava coibir crimes na cidade, no Sertão Pernambucano na cidade de Arcoverde, existe um grupo no WhatsApp intitulado de  “Arcoverde Alerta” tinha o foco em avisar sobre possíveis blitz que estejam acontecendo em Arcoverde e região, e na tarde da última quinta-feira (23), o grupo passou a divulgar a operação, que viola o Art. 265 do Código Penal: Atentar contra serviço de utilidade pública.

A polícia dispõe de cópias dos contatos do grupo, e também cópias das conversas sobre os alertas das blitz. A pena prevista para esse tipo de crime é de reclusão de um a cinco anos e multa.

Além de cometer um crime você também pode estar alertando criminosos.


Mídia em Ação


Nenhum comentário:

Postar um comentário