sábado, 18 de maio de 2019

Em Santa Cruz do Capibaribe, Ricardo Eletro fecha as duas unidades
A segunda unidade da empresa Ricardo Eletro situada em Santa Cruz do Capibaribe teve as portas fechadas essa semana. O grupo nacional que havia somado com Insinuante e Eletro Shopping, controlado pela 'Máquina de Vendas', passou por modificações no ano passado.

Em Santa Cruz do Capibaribe, a Ricardo mantinha duas lojas, sendo uma na extinta Insinuante e outra na também extinta Eletro Shopping. Funcionários acreditam que pelo menos uma unidade da rede reabra na cidade nos próximos dias, porém a empresa busca hoje por um novo contrario imobiliário.

Crise; Em dificuldade financeira nos últimos anos, a Máquina de Vendas – resultado da fusão da Ricardo Eletro, do empresário Ricardo Nunes, e da Insinuante, de Luiz Carlos Batista, em 2010 – estava em busca de um investidor para injetar recursos no negócio, que sofreu bastante com a crise. Em 2017, a companhia começou a renegociar seus débitos com os bancos.

Com faturamento de 5,2 bilhões de reais, a Máquina de Vendas tem 650 lojas no país. A varejista chegou a ter 1,2 mil, mas teve de enxugar o negócio por conta da crise. Dona também das redes City Lar, Salfer e Eletro Shopping, a companhia é a terceira maior varejista do segmento, atrás da Via Varejo e Magazine Luiza.


Bruno Muniz


Nenhum comentário:

Postar um comentário