sexta-feira, 21 de junho de 2019

SETOR TÊXTIL REGISTRA QUEDA NAS VENDAS
A grande movimentação no comércio, provocada pelas festividades juninas, fez aumentar o fluxo de clientes, mas não efetivou um incremento nas vendas de tecidos em Santa Cruz do Capibaribe, cidade-mãe do polo de confecções de Pernambuco. Nesse período, que outrora era de praxe o aumento em toda a cadeia têxtil, os atacadistas têm registrado baixa nas vendas de tecidos.

A Câmara Setorial dos Atacadistas de Tecidos, organização ligada à CDL Santa Cruz do Capibaribe-PE, realizou uma pesquisa para mensurar a queda nas vendas que o setor vem sentindo nos meses de maio e junho de 2019. Foram consultados 20 atacadistas e todos responderam que as vendas ficaram abaixo do esperado para o período junino, considerado o segundo melhor momento do Polo de Confecções do Agreste pernambucano, perdendo em movimentação apenas para o Natal.

 Com relação ao período junino de 2018, as vendas em 2019 caíram em média 23%, frustrando a expectativa positiva dos atacadistas de tecidos.


 Blog Agreste Notícia


Nenhum comentário:

Postar um comentário