sábado, 20 de julho de 2019

Morre aos 69 anos o senhor Miguelão; O mesmo deixa um legado grande na história na saúde, na música e no esporte de Brejo da Madre de Deus-PE

Após 4º AVC, Miguelão passou mais de 100 dias internado em Caruaru

O grande Brejense Josinilson José Pessoa de Oliveira, 69 anos, popularmente conhecido por Miguelão, sofreu um AVC no ano de 2000 e deste então sua saúde ficou fragilizada. Após o 4º AVC, que foi sofrido neste ano, Miguelão ficou internado por 114 dias em um hospital em Caruaru, onde faleceu na UTI por volta do meio dia desta sexta-feira (19).
Velório e Sepultamento; O corpo foi velado em Brejo da Madre de Deus no velório do Plano de Assistência Familiar São Marcos na Rua Dom Luiz de Brito, próximo a Igreja Assembleia de Deus. O sepultamento foi neste sábado dia 20, as 16h, no cemitério São Vicente de Paula, também em Brejo da Madre de Deus.

Grande Miguelão; Católico fervoroso, Miguelão foi enfermeiro, professor, músico e um ícone no esporte brejense. Trabalhou por alguns anos nas farmácias de Luiz Dantas em Brejo e de Zé Roque em Jataúba, depois abriu sua própria farmácia na Avenida Cleto Campelo em Brejo da Madre de Deus, e ficou por aproximadamente 20 anos no ramo.

Sempre apaixonado por música tocou em bandas, cantou em serestas e teve no futebol brejense a sua maior paixão, o Estrela Futebol Clube, time que fundou e foi presidente.
Na política foi candidato a vereador por duas vezes, nas eleições de 1988 e de 1992 e também foi candidato a vice-prefeito de Roberto Asfora no ano de 1996.
Miguelão deixa sua esposa, a professora aposentada Dona Fátima, e seus filhos Júnior (vereador), Nildinho e Fabrício.


Do Estação Notícias


Nenhum comentário:

Postar um comentário