quarta-feira, 25 de setembro de 2019

Polícia Federal deflagra operação a fim de desarticular organização criminosa. Chefe da organização é funcionário do Banco do Nordeste e ex-gerente da agência de Santa Cruz do Capibaribe
A segunda fase da “Operação Impunitas”, deflagrada pela Polícia Federal de Pernambuco através da sua Delegacia na cidade de Caruaru, busca por envolvidos em uma organização criminosa. A organização tem como chefe o ex-gerente geral da Agência do Banco do Nordeste, em Santa Cruz do Capibaribe e Palmares. A segunda fase da operação teve início por volta das 6h desta terça-feira (24).

O funcionário do BNB atuava com a cooliderança de terceiros na cooptação de laranjas utilizando empresas de fachada e documentos falsos para instruir operações de créditos obtidas junto ao Banco com recursos desembolsados em sua maioria, proveniente do Fundo Constitucional de Desenvolvimento do Nordeste. A segunda fase da operação tem como finalidade o cumprimento de 2 mandados de prisão preventiva em desfavor de um bancário/servidor público e um empresário, além de 10 mandados de busca e apreensão, e diversas medidas cautelares decretadas, dentre elas, o sequestro patrimonial dos envolvidos, no valor de R$ 8.500,000,00 prejuízo inicialmente estimado como sendo o acusado pela Organização Criminosa.

Os crimes investigados pela PF são de gestão fraudulenta de instituição financeira, lavagem de dinheiro e associação criminosa, cujas penas podem ultrapassar os 10 anos de reclusão. A primeira fase da operação foi deflagrada em 11 de junho deste ano.
Alexandre de Morais Hissa (39 anos), solteiro, bancário, natural de Natal/RN e residente em Casa Caiada/Olinda-PE e Sandro Alves de Moura Júnior (30 anos), casado, empresário, natural de Escada/PE e residente em Cajueiro Seco/Jaboatão dos Guararapes-PE, seguem foragidos. Qualquer informação dos suspeitos podem ser repassadas à polícia por meio do disk-denúncia através do fone 3421-9595. O anonimato é garantido.


 Folha Vitória / Ney Lima


Nenhum comentário:

Postar um comentário