sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Revira volta no caso dos Guardas Municipais presos na última quarta-feira (25), em Itapissuma delegado de Polícia Civil devolve as armas aos GCMs e o caso seguirá na justiça

Um caso de grande repercussão aconteceu na última quarta-feira (25), na cidade de Itapissuma região metropolitana do estado. Pelos menos 5 armas foram apreendidas pela Polícia Militar. 

As armas estavam com 5 Guardas Civis Municipais efetivos do mesmo município onde tudo aconteceu. De acordo com informações colhidas através do Caruaru24h, os Policiais tendo a frente um Oficial da PM - PE, abordou os agentes Municipais em uma blitz educativa de trânsito e foi dado voz de prisão por porte ilegal de arma de fogo e usurpação de função, o oficial só não tinha a informação que uma liminar publicada pelo ministro da justiça "Alexandre de Morais ", dá o direito ao porte de arma aos Guardas caso esteja com o documento de identificação e o registro da arma expedido pela Polícia Federal, em dia inclusive o próprio comando geral da Polícia Militar entendeu através de nota que também entende o porte sob liminar. 

Na delegacia de Polícia Civil na tarde desta quinta-feira (26), o delegado Francisco Rodrigues, fez a ouvida dos apresentados pelo oficial da PM, Luiz Odon da Silva, Marcelio Paulo da Silva, Belarmino Paranhos Neto, Igor Alves Leitão e Carlos Flávio de Araújo Júnior, após serem ouvidos todas as armas de fogo registradas foram devolvidas aos Guardas Municipais da cidade de Itapissuma. O caso seguirá judicialmente.


Da redação do Caruaru24h



Nenhum comentário:

Postar um comentário