sábado, 16 de novembro de 2019

A secretaria de Infraestrutura e Recursos Hídricos do Estado emitiu a seguinte nota sobre a "PE-145 que liga Lampião Brejo e Jataúba".

Depois de várias reportagens do blog manhã nordestina repudiando as maos condições que se encontra a PE-145 que liga Lampião a Brejo da Madre de Deus, e Jataúba, a secretaria de infraestrutura de recurso hídrico de Pernambuco envia nota de esclarecimento a nossa redação do blog manhã nordestina.

Nota sobre A PE-145; A Secretaria de Infraestrutura e Recursos Hídricos de Pernambuco (Seinfra), por meio do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), informa que o edital de licitação do projeto para a reconstrução total dos 67,1 quilômetros da Rodovia PE-145, que vai do entroncamento com a BR-104, no distrito de Cachoeira Seca (Caruaru), passa pela cidade de Brejo da Madre de Deus e segue até a entrada PE-160, já no município de Jataúba, no Agreste Pernambucano, será publicado até o dia 23 de novembro.

A Seinfra esclarece ainda que o serviço de reconstrução do pavimento indicado para a rodovia PE-145 foi resultado de análises técnicas que determinaram o tipo de intervenção necessária para a estrada. A obra, que estará inserida no Programa Caminhos de Pernambuco, vai proporcionar melhores condições de trafegabilidade e garantir mais conforto e segurança aos usuários que trafegam pela via.
Sobre o Programa Caminhos de Pernambuco; O Programa, que busca otimizar e eficientizar a gestão da manutenção do pavimento, prioriza ações de manutenção corretiva e preventiva, voltadas para a garantia da trafegabilidade nas estradas, além de maior durabilidade ao pavimento. Lançada em maio, a iniciativa está investindo R$ 505 milhões, até dezembro de 2022, para recuperação da malha rodoviária estadual e, em pouco mais de cinco meses de trabalho beneficiou 1248 quilômetros de rodovias beneficiadas.
Os roteiros de trabalho são traçados de acordo com a logística de cada localidade, levando em conta fatores econômicos, turísticos e, inclusive, climáticos para a definição do calendário de execução das obras.


Blog Manhã Nordestina


Nenhum comentário:

Postar um comentário