sábado, 16 de novembro de 2019

Em Santa Cruz do Capibaribe-PE, Quatro pessoas são detidas com televisores e celulares de procedência duvidosa
Pelo menos quatro pessoas foram detidas pela Polícia Militar, na noite desta quinta-feira (14). A detenção aconteceu no bairro Neco Aragão, em Santa Cruz do Capibaribe. Com os detidos a polícia apreendeu TV’s e celulares de procedência duvidosa.

Através de denúncias, a PM foi informada que um casal estaria comercializando, por meio da internet, televisões de procedência duvidosa. Segundo a polícia, ao chegar até o casal, eles estavam prestes a vender uma das TV’s. A polícia indagou sobre a procedência do produto e eles informaram que em um apartamento próximo, haviam 12 televisões com um homem. Ainda segundo a PM, o casal informou que esses produtos eram furtados e fornecidos por outro envolvido a preço baixo.

De acordo com o policiamento, ao analisar o número de série das TV’s, foi verificado que elas haviam sido furtadas em uma empresa na cidade de Campina Grande/PB, no dia 04 desde mês. Um quarto envolvido também foi detido com cinco aparelhos celulares. Segundo o efetivo policial, o homem não soube explicar a procedência dos aparelhos.
Ronaldo Ribeiro da Silva (33 anos), Invanilda Quirino Pereira (44 anos), Josimar Freitas dos Santos (25 anos) e Felipe Matheus Quirino Macêdo (22 anos) foram conduzidos à delegacia local com os materiais apreendidos.
Defesa dos suspeitos

Em um vídeo divulgado nesta sexta-feira (15), o advogado do Ronaldo informou que todos os celulares apreendidos tem notas fiscais. No vídeo o advogado ainda informa que o delegado que esteve a frente do caso, ligou para o delegado responsável, no estado da Paraíba, e ficou comprovado que não teria como haver a comprovação que os televisores apreendidos ‘foram os roubados’ no estado.



Ney Lima


Nenhum comentário:

Postar um comentário