segunda-feira, 2 de dezembro de 2019

Editorial: Candidatura de Diogo Moraes está decidida dentro do PSB 

O deputado estadual Diogo Moraes vai mesmo disputar a prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe em 2020, pelo menos é o que indica boa parte dos membros do PSB (Partido Socialista Brasileiro) no estado e a alta cúpula do Palácio do Campo das Princesas.

Nos últimos dias o Blog do Ney Lima conversou com diversas fontes da política municipal e estadual. Jornalistas que acompanham os bastidores da Alepe e do Governo do Estado também foram ouvidos.

Se em Santa Cruz do Capibaribe a questão ainda é tratada com ressalvas, na Capital o diálogo é aberto. Diogo será o candidato do PSB. Ainda mais clara é a posição do Palácio do Campo das Princesas de onde a candidatura está sendo determinada, claro, atendendo também ao desejo do próprio Diogo. O presidente da Câmara de Vereadores de Santa Cruz, Augusto Maia, será o indicado para disputar o cargo de vice-prefeito.

Estratégia será pautar conquistas; A estratégia que será usada na defesa do nome de Diogo Moraes será a pauta em conquistas. Os apoiadores vão listar obras como a duplicação da PE-160, escola técnica, obras da adutora do Alto do Capibaribe, redução do ICMS, estação de tratamento de esgotos, entre outras, para defender que Diogo teve o melhor desempenho dentre todos os deputados estaduais já eleitos pelo município de Santa Cruz ao longo da história.

Candidatura será emplacada mesmo sem recuo de Fernando Aragão e oposição poderá ir dividida para 2020. 
Um aspecto importante pesquisado pelo Blog foi quanto a possibilidade da candidatura de Diogo Moraes ser viabilizada independentemente da confirmação da candidatura de Fernando Aragão.


Políticos de Santa Cruz do Capibaribe manifestam, em tese, o desejo pela união do grupo com apenas uma candidatura, mas nos bastidores do Palácio do Campo das Princesas a questão é tratada de forma bem diferente e uma possível candidatura de Diogo Moraes agora independe do posicionamento de Fernando Aragão.

A leitura que se faz no Palácio é que a maior parte dos políticos de oposição ao prefeito Edson Vieira estará com Diogo, o que colocaria o bloco que apoia Fernando Aragão em absoluta desvantagem.


Ney Lima


Nenhum comentário:

Postar um comentário