terça-feira, 14 de janeiro de 2020

Coluna - De Olho na Política Jataubense

O ano novo mal começou e a temperatura nos bastidores da política jataubense continuam em níveis elevadíssimos. Nem a chuva que caiu no ultimo dia do ano de 2019 e primeiro dia de 2020 foi suficiente para baixar essas temperaturas.

Vamos aos fatos


Com a definição de Mamão em se aliar com a terceira via, o cenário político na pacata cidade de Jataúba, interior do agreste pernambucano, mudou completamente. Por se tratar de uma grande liderança política, Mamão era cobiçado tanto pelo grupo da terceira via, quanto pelo grupo de situação, pois em uma disputa “acirrada” como promete ser esse pleito, ter o apoio de Mamão seria decisivo para qualquer um dos lados que ele viesse a aderir. Como nem tudo são flores, muitos correligionários e simpatizantes não queriam essa junção, pois para uns Mamão chega com toda pompa e circunstância. Já outros não admitem o fato de mamão ter que se aliar com antigos aliados que o abandonaram nas eleições de 2018. Fato é que mesmo com os prós e contras, Mamão está definitivamente na terceira via e a grande expectativa se dá quanto ao seu pronunciamento oficial no próximo dia 24, e como será o discurso do mesmo, depois de fazer uma campanha (2018) replicando áudios dizendo que a terceira via era uma farsa. Outra grande questão é: Como se comportarão os que não comungam ou resistiram a ida de Mamão para o grupo? 

Encerrando um ciclo de 5 mandatos, o prefeito Antônio de Roque nunca trabalhou tanto como tem trabalhado neste último mandato. Apesar de inúmeras obras construídas e entregues e outras em fase de conclusão, o prefeito ainda continua tendo bastante dor de cabeça para compor a chapa majoritária do grupo de situação. As circunstâncias colocam o vice-prefeito Jackson Ribeiro (Buraco) como o candidato natural para a disputa, tendo como provável candidato a vice o secretário de agricultura Izael Monteiro (Zainha). Mas ao ser cogitado o nome de Zainha para composição de chapa juntamente com Buraco, o ciúme tomou conta de algumas pessoas que almejam e acham que merecem ser o candidato à vice, e isso está gerando (segundo informações) um mal-estar no grupo. O prefeito Antônio de Roque evita falar e comentar sobre quem será o seu candidato, mas é visível em seu semblante a preocupação quanto ao pleito que se aproxima. Outra grande questão que martela a cabeça do eleitor é: Se Buraco é em tese o candidato natural, porque não o apresentar logo como pré-candidato a prefeito pelo grupo de situação? O sobrenome ‘Ribeiro’ está pesando à favor ou contra a indicação do nome de Buraco? Quem de fato será o vice de Buraco? Zainha ou Antônio Biloza?

A quarta via continua se encontrando e se articulando com lideranças e até mesmo empresários locais, para formar uma nova frente política em Jataúba. O intuito do grupo é eleger ao menos um vereador, com o discurso de que os grupos que hoje dominam a política local, não representam as necessidades e os anseios dos Jataubenses. Além de empresários e lideranças políticas, o grupo se articula com pessoas que concorreram ao cargo de conselheiro tutelar e até mesmo com suplentes de vereador, e pelas contas do grupo, se de fato lograrem êxito na campanha poderão eleger um vereador dentro do coeficiente eleitoral.

Esse mês de janeiro promete ser decisivo para os rumos da eleição municipal. Estamos atentos e de olho em tudo que anda acontecendo nos bastidores da política. Como diz minha avó, quanto mais vazia a carroça estiver, mais barulho ela fará, e os seres humanos são como carroças. Sendo assim, para o bem do relacionamento humano e principalmente político, o exercício do silêncio é tão importante quanto a prática da palavra, por isso, para você que fala demais, dê mais ouvidos ao silêncio. Por que existem silêncios que estouram os tímpanos e barulhos que silenciam o coração. Portanto, o segredo é julgar menos, e nunca se esquecer que a palavra é muda para quem não quer ouvir.

Já dizia Magalhães Pinto: “Política é como nuvem. Você olha e ela está de um jeito. Olha de novo e ela já mudou”.


Diogenes Ramos/ Blog do DidiRamos


PROGRAMA DEBATE LIVRE

Nenhum comentário:

Postar um comentário