segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

Declarou guerra? Em Jataúba, vereador Jackson dispara contra Boy Ribeiro e diz que o mesmo tenta tapar o sol com a peneira para enganar a população
Na noite da última quinta-feira (09) durante sessão na câmara de vereadores de Jataúba o vereador Jackson Galego de Antônio de Roque (PSB) engrossou o discurso e disparou contra o líder da oposição no município o empresário Boy Ribeiro (Republicanos) e contra os deputados apoiados pelo grupo da terceira via em especial o deputado federal Sílvio Costa Filho (Republicanos) que foi majoritário no município.

Jackson comentou uma entrevista do empresário Boy Ribeiro concedida ao radialista Alberes Xavier que foi ao ar nesta quinta-feira e disse que observando as palavras do líder político notou alguns equívocos e que mesmo tá tentando tapar o Sol com peneira, segundo o vereador já que os deputados apoiados pelo líder politico não trazem nada para Jataúba ele tentou fazer um arrodeio, uma espécie de, se colar colou.

Jackson falou sobre os recursos recebidos por Jataúba e por todos os municípios oriundos do leilão do pré-sal e disse que essa foi uma iniciativa do governo Bolsonaro e segundo ele não tem nada a ver com deputados. O vereador disse que o líder Boy falou que Sílvio Costa Filho teve uma atuação importante nesse processo e que por isso Jataúba recebeu os recursos de quase 1 milhão de reais e perguntou: “Qual a participação dele nisso?”.

Segundo o vereador isso é querer pegar carona com recursos federais e disse que tudo isso é uma forma de esconder a falta de atuação e de emendas destinadas pelos deputados de oposição em Jataúba. Quanto a fala do líder político Boy sobre a liberação de uma viatura para a guarda municipal de Jataúba por parte de Sílvio Costa Filho o vereador disse que cantou essa bola desde o mês de setembro de 2019 onde o deputado Ricardo Teobaldo teria ido ao ministério da segurança e garantido a viatura para o município.

“Não peguemos carona em cima de ministério da saúde, da educação, de ação social ou de segurança pública”, declarou o vereador. Jackson pediu que Silvinho e Alessandra coloquem emendas deles diretamente para o município e criticou o fato de Sílvio Costa Filho ter destinado recursos na casa de 30 milhões de reais para a educação em Pernambuco e não ter colocado 1 real sequer para a cidade de Jataúba.

Por fim Jackson disse: “Vamos falar a verdade para a população de Jataúba e não apenas ir para uma rádio e falar, falar, falar, pensando que povo é bobo, o povo não é bobo e tá vendo quem traz e quem não traz, sabe o que está sendo feito, agora só falar e não trazer, pegar carona eu não sou a favor disso”, disse Jackson.

Galego também falou sobre a situação hídrica do município e disse que não se pode colocar na responsabilidade da prefeitura ou da Câmara o fato de Jataúba não ter hoje uma barragem de grande porte, pois, nenhum município tem condições de construir uma barragem de grande porte com recursos próprios e que tudo depende dos governos federal e estadual.

Diante do endurecimento do discurso de Jackson quanto ao líder da terceira via o seu ex-aliado Boy Ribeiro ao que parece o embate político no município foi lançado mais cedo do que se esperava, e agora é esperar os próximos capítulos dessa novela que tá só começando.


Jota Silva / Folha de Jataúba


APOIO CULTURAL

Nenhum comentário:

Postar um comentário