segunda-feira, 22 de junho de 2020

Moradores de Santa Cruz do Capibaribe-PE, denunciam comercialização de roupas em espécie de “feira livre”
Moradores de Santa Cruz do Capibaribe denunciam comercialização de roupas em espécie de “feira livre”
Nesta segunda-feira (22), Santa Cruz do Capibaribe voltou a ter problemas com comerciantes que insistem em exporem os seus produtos para vendas em vários pontos da rodovia PE-160, a principal da cidade.

Vale destacar que a segunda-feira é um dia designado apenas para entrega de mercadorias que são previamente comercializadas pela internet, ficando proibida a venda de peças. A medida foi adotada pelo governo municipal através de decreto.

Santa Cruz do Capibaribe assim como outras cidades do Agreste ainda enfrenta problemas com a disseminação do novo coronavírus e a interrupção das feiras é justamente uma alternativa para tentar impedir a aglomeração de pessoas.

De acordo com órgãos de fiscalização do governo, em toda a extensão da rodovia PE-160 são realizadas investidas para se evitar situações que prejudiquem a efetividade dos decretos.


Jefferson Felipe / Blog Bruno Muniz


APOIO CULTURAL

Nenhum comentário:

Postar um comentário