segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Policial é preso após matar a esposa e um homem na entrada do Batalhão da PM, no Agreste de Pernambuco
Um policial militar foi preso na noite do último sábado 19 de setembro de 2020, após assassinar a tiros a esposa e um homem na entrada do 9º/ Batalhão Arruda Câmara, na avenida Rui Barbosa, no bairro Heliópolis, em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco.

O homicídio e o feminicidio ocorreu por volta das 22h39min, e teve como vítima uma mulher identificada como Elisabete Nunes da Silva, de 34 anos, comerciante e um homem identificado como Emiliano Enrique de Araújo Colemares, de 25 anos, de naturalidade da Venezuela.


A motivação para o ainda é desconhecida, mas de acordo com informações de populares a esposa do policial mantinha um relacionamento com o homem, o policial seguiu as vítimas da cidade de Jupi até Garanhuns. As vítimas se dirigiram ao batalhão na tentativa de se salvarem quando foram baleadas. No momento da prisão o policial relatou a um oficial que estava sendo traído.

O homem morreu no local, a mulher foi socorrida ao Hospital Regional Dom Moura, mas devido aos ferimentos não resistiu e foi a óbito. O PM foi preso. Equipes da Polícia Civil estiveram no local. Após uma perícia realizada pelo Instituto de Criminalística, IC os corpo das vítimas foram encaminhados ao IML em Caruaru.


Blog Agreste em Alerta

Nenhum comentário:

Postar um comentário