segunda-feira, 11 de janeiro de 2021

BREJO DA MADRE DE DEUS-PE, TEM AUMENTO DE QUASE 70% NA PRIMEIRA PARCEIRA DO FPM
As prefeituras do todo o Brasil começaram o ano bem melhor que os últimos anos, pois segundo a CNM – Confederação Nacional de Municípios – a primeira parcela do repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de 2021 foi realizado na última sexta-feira dia (08) de janeiro.

Foram repassados aos cofres municipais R$ 5.400.014.834,63 (cinco bilhões, quatrocentos milhões, quatorze mil, oitocentos e trinta e quatro reais e sessenta e três centavos) valor nunca antes visto, desde de 2003, quando a CNM lançou a série de levantamentos mensais do fundo.

Mesmo com a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (FUNDEB), a transferência de R$ 4.320.011.867,70 (quatro bilhões, trezentos e vinte milhões, onze mil, oitocentos e sessenta e sete reais e setenta centavos) representa um crescimento de 53,83% em relação ao mesmo período do ano passado.

Em Brejo da Madre de Deus, o prefeito Roberto Asfora (PL), começou o mandato com o ‘pé direito’, isso porque, além do aumento do FPM, o município saiu do coeficiente de 2,0 para 2,2 devido ao aumento populacional, ou seja, a Prefeitura brejense recebeu somente de FPM 68,36% a mais, que a primeira parcela do Fundo de Participação dos Municípios no ano passado.

Além do acréscimo significativo do FPM, a reportagem também apurou que até o quinto dia do ano corrente, o município recebeu apenas de ICMS - Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – R$ 180.803,21 (cento e oitenta mil e vinte um centavos), no mesmo período do ano passado, Brejo havia recebido apenas R$ 15.022,87 (quinze mil, vinte e dois reais e oitenta e sete centavos.


Blog Manhã Nordestina 

Nenhum comentário:

Postar um comentário